Portugal vence a Irlanda de virada com mais um recorde de Cristiano Ronaldo

Craque marca duas vezes e chega a 111 gols pela Seleção Portuguesa

A palavra recorde e o nome de Cristiano Ronaldo caminham juntos desde que o português de 36 anos iniciou sua carreira no futebol. E, mais uma vez, a história se repetiu. Com direito a pênalti perdido e a virada nos minutos finais, na partida realizada nesta última quarta-feira (01) contra a Irlanda, pelas Eliminatórias da Copa de 2022, CR7 garantiu a vitória portuguesa e atingiu seu 111º gol pela seleção, batendo a marca do iraniano Ali Daei e se tornando o maior artilheiro de seleções de todos os tempos.

Em casa, diante de cerca de 8 mil torcedores no Estádio do Algarve, a Seleção Portuguesa entrou para seu primeiro jogo após a Eurocopa querendo manter a liderança do Grupo A das Eliminatórias. Iniciando a partida com bastante volume de jogo e pressionando a equipe irlandesa, Portugal teve um pênalti marcado a seu favor logo aos 14 minutos. Cristiano foi para a bola com confiança e cobrou no canto esquerdo, mas o jovem goleiro irlandês Bazunu voou bem e fez grande defesa.

O domínio ofensivo português continuava. Diogo Jota acertou uma bola na trave poucos minutos depois, e a equipe da casa continuava pressionando o adversário, mas foi a Irlanda quem abriu o marcador com o zagueiro Egan de cabeça, após boa cobrança de escanteio.

Já no segundo tempo, Portugal precisava ir para cima, mas encontrava dificuldades para quebrar o bloqueio defensivo irlandês. As substituições do técnico luso Fernando Santos foram fazendo efeito, dando mais movimentação para o meio de campo português, mas ainda faltava aquele último toque essencial para igualar o placar. A partida já se encaminhava para os minutos finais e dava indícios de uma zebra no Algarve, mas para a equipe que tem Cristiano Ronaldo no elenco a esperança só termina após o apito final. E o craque não decepcionou.

Aos 44 minutos, CR7 apareceu na área após cruzamento do meia Gonçalo Guedes, que tinha acabado de entrar, e cabeceou no gol para fazer 1 a 1. Com mais 8 minutos de acréscimo pela frente, a Seleção Portuguesa voltou a atacar com força, querendo a virada diante de sua torcida. E foi o que aconteceu, quando João Mário acertou um bonito cruzamento de esquerda. O camisa 7 português subiu mais que todos na área e marcou novamente de cabeça, saindo para comemorar com os torcedores e recebendo os abraços de seus companheiros de time. Vitória por 2 a 1 em casa com boa atuação e quebra de recorde de Cristiano, o agora maior artilheiro de seleções da história.

Com o bom resultado, Portugal se mantém na liderança do Grupo A das Eliminatórias com dez pontos, três a mais que a equipe da Sérvia, que tem um jogo a menos. A Irlanda ainda segue sem pontuar na competição. Agora, a Seleção Portuguesa tem pela frente o Azerbaijão, fora de casa, na próxima terça-feira (07). Por ter tirado a camisa na celebração do segundo gol, Cristiano Ronaldo recebeu o segundo cartão amarelo e não irá jogar. Já a Irlanda enfrenta o time da Sérvia, também na terça-feira, dentro de casa. 

Azerbaijão e Portugal se enfrentam a partir das 13h, horário de Brasília. Já a partida entre Irlanda e Sérvia tem início às 15h45, também no horário de Brasília.

Palavras do craque

Após o jogo, CR7 se manifestou no Instagram. Confira a mensagem completa do português abaixo:

Nem consigo me expressar em palavras! Estou emocionado com esta sensação incrível. Vamos, Portugal! Vamos!

De todos os recordes que bati durante a minha carreira – e, felizmente, foram alguns – este é muito especial para mim e me deixa muito orgulhoso.

Em primeiro lugar, porque cada vez que represento o meu país é um momento especial, por estar defendendo Portugal e mostrando ao mundo do que é que os portugueses são feitos. Em segundo, porque as competições de seleções sempre tiveram um impacto forte em mim enquanto crescia, a ver os meus ídolos jogar pelos seus países nas Eurocopas e Copas do Mundo. Mas, finalmente, e acima de tudo, porque marcar 111 gols por Portugal significa 111 momentos como os que experimentamos hoje no Algarve. Momentos de união e felicidade de milhões e milhões de portugueses ao redor do globo. Para eles, todos os sacrifícios valem a pena.

Outro motivo para que eu fique tão feliz com esta marca é o fato de Ali Daei ter colocado o nível tão elevado. Ao ponto de eu, a certa altura, ter questionado se conseguiria alcançá-lo. Parabéns a ele por ter aguentado o recorde por tanto tempo e obrigado por ter sempre mostrado respeito por mim sempre que eu marcava e me aproximava dele.

Obrigado, Portugal. Obrigado a todos os meus companheiros de equipe e adversários por fazerem desta jornada algo tão inesquecível. Vamos continuar a nos encontrar dentro de campo nos próximos anos. Ainda não fechei a conta”.

Foto de destaque: Diogo Pinto/FPF

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s