Chelsea é campeão da Supercopa diante do Villarreal

Após empate no tempo normal, clube inglês levou a taça da Supercopa depois de vencer nos pênaltis por 6 a 5, com atuação brilhante do goleiro Kepa

Nesta quarta-feira (11), o Chelsea conquistou a Supercopa da UEFA após vencer o Villarreal por seis a cinco nos pênaltis. No tempo normal, as equipes empataram em 1X1 no Windsor Park, na Irlanda do Norte. O destaque é para a audácia do técnico Thomas Tuchel, que colocou o goleiro reserva Kepa para atuar nas penalidades. 

Atual campeão da UEFA Champions League, o time inglês começou a partida com domínio. O atacante Werner e o volante Kanté levaram perigo ao gol adversário ainda no começo da partida. Mas quem abriu o placar foi Ziyech, aos 27 minutos, que contou o passe de Havertz. Porém, ainda no primeiro tempo, Ziyech lesionou o ombro e teve de ser substituído. 

O jogo foi equilibrado depois do gol dos Blues. Entre o fim da primeira etapa e o início da segunda, o Villarreal conseguiu duas chances claras de gol, com Alberto Moreno e Gerard Moreno – ambas as chances na trave. Depois disso, o clube espanhol passou a dominar mais a partida. Aos 27 minutos da segunda etapa, Gerard Moreno empatou o jogo após bela troca de passes na área, mostrando o porquê é considerado craque da equipe.

A reação dos Blues não demorou. O Chelsea voltou a dominar a partida e, na prorrogação, Pulisic teve chance clara de gol, mas perdeu. 

Foi na prorrogação, também, que o técnico Thomas Tuchel ousou: colocou o goleiro reserva Kepa para a disputa de pênaltis. O espanhol fez jus ao desafio e brilhou, defendendo duas penalidades e viu o Chelsea campeão por seis a cinco. O triunfo do goleiro mais caro da história do clube veio após inseguranças no clube e a substituição na última temporada.

Esta edição da Supercopa marcou o fim de um tabu. Em finais contra times de outros países, os ingleses não saiam vencedores desde 2005. Depois disso, foram quatro derrotas – duas do Chelsea. Há também outra curiosidade: as últimas quatro finais terminaram no tempo extra ou mesmo nos pênaltis. 

Foto de destaque: Paul Ellis/AFP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s