Com adesão de clubes das Séries A e B, Liga estabelece negociações uniformes e igualdade

Em reunião, 40 times firmaram uma carta de intenções para a fundação da liga para organizar o Campeonato Brasileiro

Há duas semanas, clubes da Série A decidiram criar uma liga para organizar o Campeonato Brasileiro. No período, o documento foi assinado por 19 dos 20 clubes, já que o Sport Recife estava sem presidente após Milton Bivar renunciar o cargo. 

No mesmo dia, um pouco mais tarde, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, através das suas redes sociais, mostrou o documento assinado e afirmou que clubes da Série B também foram convidados. 

E, ao longo do dia de ontem (28), os 40 clubes se reuniram em São Paulo para firmar uma carta de intenção à fundação da liga. O documento foi assinado por todos os clubes e a reunião contou com a presença dos representantes de 36 clubes, presencialmente, e quatro por videoconferência: Sport, Brusque (SC), Operário (PR) e Confiança (PE). 

A cláusula primeira cita que: “Os clubes ao subscreverem a presente CI [carta de intenções] manifestam a sua intenção de constituir a Liga para fortalecimento do futebol brasileiro, uniformizando a atuação em negociações privadas e públicas, mirando eficiência, transparências e igualdade de tratamento…”

Em seguida, a declaração afirma que serão redigidos os documentos de constituição da Liga que vão detalhar todos os itens ali previstos. Não há ainda discussão, por exemplo, se todos terão votos iguais dentro da Liga, o que será determinado dentro do estatuto. A ideia inicial é que, sim, todas as negociações de direitos do Brasileiros sejam unidas.

A Carta de Intenções também estabelece que uma comissão de agremiações tanto da Série A quanto da Série B vai elaborar os estatutos e atas para fundação da liga em 90 dias. 

Dito isso, todos os abaixo subscritos se comprometem a cooperar e empregar os melhores esforços a fim de que a Liga seja constituída e se encontre em pleno funcionamento o quanto antes”.

Mudança de nome do Campeonato Brasileiro

Se consolidada, a ideia com a nova liga é criar um modelo semelhante ao da LaLiga, incluindo a mudança de nome, já que os direitos da marca pertencem à CBF. 

Foto de destaque: Yuri Laurindo/CBF 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s