Corinthians volta a Sul-Americana, que estreia em novo formato

A 20ª edição da competição, que inicia dia 17 de março, renderá mais dinheiro aos clubes

Com o empate diante do Vasco, além do resultado entre Santos e Fluminense, no último domingo (21), o Corinthians confirmou a vaga na Sul-Americana, de 2021. 

Pela primeira vez, desde a sua criação, em 2003, a competição contará com um novo formato. Se anteriormente era disputada em formato eliminatório em todas as fases, agora o torneio será dividido em três fases: preliminar, fase de grupos e mata-mata (a partir das oitavas de final). 

Na fase preliminar, clubes do mesmo país, com exceção de Brasil e Argentina, realizam partidas de ida e volta e geram 16 classificados, que se juntam as seis equipes brasileiras e argentinas. Além disso, os quatro times eliminados na terceira fase da Libertadores também serão adicionados à fase de grupos. 

Os 32 times são divididos em oito grupos e somente o primeiro colocado de cada grupo avança para a última etapa. Eles enfrentarão os terceiros colocados do chaveamento da Libertadores, nas oitavas de final.

Para a premiação, a Conmebol injetará mais dinheiro nesta edição. Em janeiro, a entidade anunciou um aumento de US$ 11,8 milhões (cerca de R$ 64 milhões) na premiação total. O valor total a ser distribuído para todos os times agora é US$ 59 milhões (R$ 319 milhões).

Se o Corinthians não avançar a fase de mata-mata, receberá o total de US$ 1,2 milhões (R$ 6,5 milhões), sendo US$ 300 mil por cada jogo como mandante da fase de grupos, ou seja, os três. Caso seja eliminado como segundo do grupo, recebe uma bonificação extra de US$ 120 mil. 

Se for campeão, pode levar cerca de R$ 36 milhões no total (US$ 6,8 milhões). 

O valor da premiação por fase:

  • Primeira fase: US$ 225 mil por jogo como mandante.
  • Fase de grupos: US$ 300 mil por jogo como mandante
  • Oito eliminados na primeira fase: US$ 120 mil
  • Oitavas de final: US$ 500 mil
  • Quartas de final: US$ 600 mil
  • Semifinal: US$ 800 mil
  • Vice-campeão: US$ 2 milhões
  • Campeão: US$ 4 milhões

O time paulista nunca ganhou a competição. Sua última participação foi em 2019, chegando a semifinal e sendo eliminado pelo Independiente del Valle, do Equador. A estreia acontecerá, provavelmente, na semana de 21 de abril. A final, em jogo único, será dia 6 de novembro, ainda sem local definido. 

Foto de destaque: Renato Gizzi/Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s