EXCLUSIVO: “Seria um orgulho imenso”, diz Maurine sobre ter o rosto no muro do CT Rei Pelé

Segunda maior artilheira da história das Sereias da Vila completa um ano jogando em Portugal

Após uma década vestindo a camisa das Sereias da Vila, a lateral-direita e meia, Maurine, completou um ano como jogadora do Famalicão, de Portugal. A brasileira se despediu da nação santista, em dezembro de 2019 e hoje é uma das principais peças da equipe portuguesa.  Ela, que já balançou as redes em 2021, conversou com o Rainhas do Drible sobre o seu momento em Portugal e o retorno ao Brasil.

“Eu fico muito feliz por ter feito um ano aqui no Famalicão. Um lugar que me sinto muito bem e feliz em poder ajudar a equipe. Espero conquistar títulos com esse clube, porque merece muito, trabalhamos forte para que os objetivos sejam alcançados”, afirmou Maurine.

Maurine, atuando pelo Famalicão, em Portugal (Foto: Divulgação/Famalicão)

Ela marcou o seu primeiro gol em 2021, no empate por 2 a 2 contra o Sporting, pelo Campeonato Nacional de Futebol Feminino. A defensora lamenta não ter saído com o resultado positivo, mas comemora ter balançado as redes.

“Com certeza é muito importante marcar um gol, ainda mais numa partida tão difícil e importante para nós. Infelizmente não saímos com a vitória, mas o grupo todo está de parabéns porque lutou até o final com uma jogadora a menos”, comentou a jogadora.

Retorno ao Brasil

A ex-capitã das Sereias da Vila, Maurine, conquistou todos os títulos possíveis com a camisa do Peixe, incluindo o bicampeonato da Copa Libertadores Feminina, em 2009 e 2010.  Ela teve duas passagens pelo Alvinegro Praiano e anotou 57 gols nesses dois períodos, sendo a segunda maior artilheira da história das Sereias, empatada com a atacante argentina Sole Jaimes.

Maurine, campeã do Brasileirão Feminino em 2017, com o Santos FC (Foto: Divulgação/Santos FC)

Mesmo estando há um ano jogando no Famalicão, Maurine não descarta retornar futuramente ao Brasil e encerrar a sua carreira no Santos.

“Tenho uma ligação muito grande com o Santos. Até porque, a maior parte da minha carreira foi no clube e eu pude conquistar todos os títulos com a camisa do Peixe”, disse ela.

“Pretendia sim encerrar a carreira no Santos, mas ainda não sei, pois, o futuro só pertence a Deus. Esperar e ver o que Ele tem reservado para mim, porém estou muito feliz aqui no Famalicão”, concluiu Maurine, que tem contrato com o Famalicão até o final de junho.

Rosto no muro do CT Rei Pelé

Recentemente, a atacante Ketlen, que na última temporada atingiu a marca de 100 gols com a camisa do Peixe, foi a primeira Sereia a ter o rosto pintado no muro do CT Rei Pelé. Com tantos feitos e conquistas, Maurine também é uma das principais jogadoras que já passaram pelo clube e por conta disso, a nação santista tem pedido muito que a ex-jogadora também receba essa homenagem.

“Seria um orgulho imenso estar no muro do CT Rei Pelé. Tenho um carinho enorme pelo Santos e toda a minha história foi dentro do clube”, disse Maurine.

Maurine se emociona em despedida na Vila Belmiro  (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

A ex-capitã das Sereias da Vila, disse ao Rainhas do Drible que sonha com essa homenagem, mas que ainda não foi procurada pelo clube sobre esse assunto.

Foto em destaque: Divulgação/Famalicão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s