CBF divulga guia com planos para retomada do futebol

Elaborado pela Comissão Médica Especial, própria da entidade que comando o futebol no Brasil, o guia segue recomendações de órgãos mundial e nacionais da saúde, como  Organização Mundial de Saúde (OMS), Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Médica Brasileira (AMB)

Após a Federação Paulista, Confederação Brasileira de Futebol, CBF, divulgou neste último final de semana um documento com diretrizes que os clubes devem seguir para voltar às atividades. Segundo o plano, a retomada acontecerá de forma gradual e terá cinco fases. As duas primeiras já vem sendo seguidas por alguns clubes cearenses, cariocasgoianos, que voltaram as atividades recentemente.

Na primeira fase, os clubes deverão testar todos os seus componentes: jogadores, comissão e funcionários. Aquele que apresentar resultado positivo ou suspeito deve ficar em isolamento. No caso de familiares, o teste não é obrigatório, porém devem ser feito pelo menos um questionário.

A segunda etapa, são os treinos individuais ou em pequenos grupos. Todos os atletas que participarem da atividade, deverão dirigir-se ao centro de treinamento individualmente e com veículo próprio, estar com o uniforme desde sua residência e no término voltar imediatamente para casa. Estes passarão por uma checagem de temperatura durante a chegada ao CT.

A terceira fase é o momento do treino coletivo. Nesta etapa, as medidas de segurança como testes, temperatura e máscaras ainda serão exigidas. Os atletas só estarão dispensados do uso de máscara durante o treinamento e deverão estar em uma distância mínima de 1 metro entre si e membros da comissão técnica.

A cada intervalo terão de fazer higienização com em gel 70%, as refeições serão em kits individuais preparados pelo nutricionista do clube. Em caso de massagem e fisioterapia, deverão ser em horários individuais. Quanto ao vestiário, não deve haver aglomeração no local e cada jogador deve deixar sua roupa separada para que a equipe que cuida da rouparia, estando devidamente protegida, recolha em outro momento.

A quarta etapa é a respeito da volta as competições, as partidas serão realizadas sem a presença do público. Quanto aos jogadores, estes não podem trocar camisas, os gols devem ser comemorados individualmente. Os bancos de reservas deverão ser em locais específicos, com a distância  mínima de um metro e o atleta deve usar máscara.

A quinta e última fase, o acompanhamento, prevê testes aleatórios nos jogadores, além de que os clubes deverão enviar semanalmente dados sobre a saúde dos jogadores, comissão e funcionários.

Segundo o documento não há previsão para o retorno, assim as tabelas serão ajustadas conforme as datas disponíveis. Quanto a imprensa, a cartilha afirma que a presença desses profissionais deve ser agendada antes com a CBF e as entrevistas coletivas serão por videoconferência.

Foto: Divulgação/CBF

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s