Clubes da Série A elegem representante do STJD e derrubam ‘interferência’ da CBF

Na última terça-feira (19), os clubes da Série A do Brasileirão, em votação, escolheram Luiz Felipe Bulus como um de seus representantes no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STDJ) por uma ‘placar’ de 11 votos a 9, segundo a coluna “De Primeira”, do UOL Esporte

Ainda de acordo com as informações do site, Bulus era o nome favorito entre a maioria dos times da elite do futebol brasileiro, porém a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) pressionou para que o escolhido fosse João Bosco, que daria à entidade um terceiro nome na composição do tribunal, além dos dois nomes aos quais tem direito por lei.

Dessa maneira, o presidente da CBF, Rogério Caboclo, chegou a ligar para diversos presidentes dos clubes da Série A, com a intenção que mudassem seus votos, porém, apenas os presidentes de Santos e São Paulo o fizeram. Além de Bulus, outro nome que também foi escolhido pelos clubes foi o de José Perdiz.

Alguns dirigentes dos clubes disseram à “De Primeira”, que este processo é uma vitória da independência dos times contra a interferência causada pela CBF.

Em relação aos representantes do STDJ, a legislação determina que o pleno tribunal seja composto por dois nomes indicados pela CBF, dois pelos clubes, dois pela sociedade civil (representados pela OAB), dois indicados pela Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf), e um pela entidade sindical dos árbitros (Anaf).

Foto de capa: Thaís Magalhães/CBF.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s