Mara Gómez: a primeira jogadora transexual no Campeonato Argentino Feminino

Aos 22 anos, a atacante fará parte do time que ocupa a lanterna do Campeonato Argentino de futebol feminino

Mara Gómez é a primeira jogadora transexual a disputar um campeonato oficial organizado pela Associação de Futebol Argentino (AFA). Mara, que atua como atacante, foi contratada pelo Villa San Carlos, último colocado da primeira divisão do Campeonato Argentino Feminino.

Através das redes sociais, o clube anunciou a contratação de Mara Gómez juntamente com Ludmila Angeli, outra jogadora que chegou como reforço.

Em sua apresentação, Mara disse nunca ter sofrido preconceitos por onde passou.

Em todos os clubes onde joguei, sempre me trataram bem. Todos somos parte do mesmo trabalho e nunca me senti excluída de nenhum elenco

afirmou a jogadora.

Antes de chegar ao Villa San Carlos, Mara Gómez atuava pela equipe do Malvinas, onde se consagrou bicampeã e foi a artilheira nas últimas edições do torneio. Além disso, ela já atuou por uma liga amadora da Argentina. Também já defendeu outros clubes, como UOCRA, para jogar na Liga Chascomús, e Defensores de Cambaceres, com 17 gols em cinco jogos.

Mara Gómez ao marcar um gol pelo Defensores de Cambaceres
(Foto: Reprodução/El Suplente)

Faltando apenas seis rodadas para terminar o Campeonato Argentino Feminino, a jogadora chega como esperança para ajudar o Villa San Carlos a sair da zona de rebaixamento, visto que a sua presença no ataque pode ser fundamental para o clube permanecer ainda na primeira divisão do campeonato.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s