Final da Libertadores é transferida para Lima

Por questões de segurança, a Conmebol decidiu transferir a final em jogo único entre River Plate e Flamengo

Foto: Reprodução/Andina

Na última terça-feira (05), a Conmebol anunciou que a final da Copa Libertadores não será mais em Santiago. Devido aos inúmeros protestos violentos que estão acontecendo no Chile, a melhor medida a ser tomada foi a transferência do jogo para o Estádio Monumental de Lima, no Peru. A data da realização da partida permanece no dia 23 de novembro.

A decisão foi tomada após uma reunião organizada pela confederação com duração de, aproximadamente, cinco horas. Presidentes do Flamengo, Rodolfo Landim; do River Plate, Rodolfo D’Onofrio; da CBF, Rogério Caboclo e da AFA, Claudio Tapia, também estiveram presentes na reunião.

Inicialmente, o jogo estava previsto para acontecer no Estádio Nacional, com capacidade de 50 mil pessoas. Entretanto, os protestos que acontecem no Chile há várias semanas motivou a escolha de levar a final da Libertadores a outro país. Dessa forma, a Conmebol e os clubes optaram pela prudência.

Um dos fatores para influir na decisão, foi a capacidade de 80 mil pessoas no Estádio Monumental, em Lima. Além disso, a diferença de fuso horário entre o Chile e o Peru é de apenas 30 minutos mais cedo do que já estava definido em Santiago – sendo, inclusive, um horário estratégico para a transmissão do jogo também na Europa.

Vale ressaltar que, devido os episódios de protestos, o futebol chileno está parado há mais de três semanas. Diversas vezes a Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP) do Chile precisou cancelar as partidas de futebol organizadas pela entidade no país. Inclusive, um amistoso entre as seleções do Chile e da Bolívia que estava previsto para acontecer no próximo dia 15 também foi cancelado.

Protestos no Chile contra a desigualdade social (Foto: Reprodução/Agência Reuters)

Não restou outra alternativa à Conmebol se não optar pela transferência da final em jogo único, entre River Plate e Flamengo, para Lima, Peru. Indiscutivelmente não haveria condições da partida ser realizada em Santiago.

Ocorrências anteriores

Já é o terceiro ano consecutivo que a Conmebol tem enfrentado problemas em uma final continental. No ano de 2017, a final da Copa Sul-Americana entre Flamengo e Independiente (ARG) foi marcada pela violência e invasão de torcedores no Maracanã, no Rio de Janeiro.

Em 2018, a decisão da Libertadores entre o clássico argentino, Boca Juniors e River Plate, foi alvo de inúmeros tumultos, cuja final, contestada, foi realizada no estádio Santiago Bernabéu, em Madrid.

A mudança para a capital da Espanha ocorreu porque a torcida do River Plate apedrejou o ônibus dos jogadores do Boca Juniors durante a chegada da equipe ao estádio. Após empatarem por 2 a 2 na La Bombonera, o jogo da volta estava marcado para acontecer no Estádio Monumental, na casa do River. A partida foi remarcada para o dia seguinte, mas voltou a ser suspensa após os jogadores do Boca Juniors alegarem que não tinham condições de disputar a partida. 

O Boca pediu a suspensão definitiva do jogo de volta e o título continental, mas a Conmebol decidiu pela realização do jogo em Madrid – uma decisão histórica, visto que foi a primeira vez que uma final da Libertadores da América foi realizada fora do seu continente.

Para este ano, a Conmebol determinou a decisão em jogo único e em campo neutro como forma de amenizar os riscos de incidentes entre torcedores.

Agora, por circunstâncias maiores, a confederação mais uma vez enfrentou problemas para realização da final da Copa Libertadores 2019, no duelo entre River Plate e Flamengo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s