Ferroviária x Corinthians: final da Libertadores Feminina é marcada por decisão brasileira

Imagem: Reprodução Instragram/Libertadores Feminina

Como é importante ver a representatividade brasileira nessa modalidade esportiva, quanto orgulho dessas mulheres. O primeiro a avançar foi a Ferroviária (atual campeã), na última quinta-feira (24), diante do Cerro Porteño, do Paraguai. Em busca de conquistar o bicampeonato continental, elas venceram por 2 x 1, Nathane e Aline Milene balançaram a rede para a equipe brasileira.

Para chegar a final da Libertadores Feminina, o Corinthians enfrentou o América de Cali, da Colômbia. O time do Parque São Jorge venceu por 4 x 0, e irá duelar contra a Ferroviária no próximo dia 28, segunda-feira, às 21h30, no estádio Olímpico de Atahualpa, no Equador. 

A 11ª edição da Conmebol Libertadores de Futebol Feminino, disputa que reúne equipes sul-americanas, teve início no dia 11 de outubro. A sede fixa do torneio fica localizada em Quito, capital do Equador. Neste ano o número de times foi expandido de 12 para 16. 

Os clubes tinham que escrever 20 jogadoras, possuindo no mínimo duas goleiras. Em caso de lesão, ficou permitido que houvesse convocação de outra atleta para substituição. São concedidas três substituições por partida. 

As equipes participantes da Libertadores Feminina 2019 são: UAI Urquiza; Mundo Futuro; Corinthians; Ferroviária; Santiago Morning; Colo-Colo; Atlético Huila; América de Cali; Independiente Medellín; Deportivo Cuenca; Ñañas; Municipalidad de Majes; Cerro Porteño; Libertad/Limpeño; Peñarol; Estudiantes de Caracas.

Calendário

1ª rodada da fase de grupos: ocorreu em 11 e 14 de outubro

2ª rodada da fase de grupos: ocorreu em 14, 15 e 17 de outubro

3ª rodada da fase de grupos: ocorreu em 18 e 19 de outubro

Quartas de final: ocorreu em 21 e 22 de outubro

Semifinais: ocorreu em 24 e 25 de outubro

Disputa do terceiro lugar: 27 de outubro

Final: 28 de outubro

As partidas são transmitidas com exclusividade pela plataforma de streaming DAZN. Destaca-se que o calendário foi alterado por conta da greve nacional no Equador.

Um comentário sobre “Ferroviária x Corinthians: final da Libertadores Feminina é marcada por decisão brasileira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s