Elas na arquibancada

Pernambucanas se unem em prol do Santa Cruz e dão origem ao grupo “Unidas pelo Santa”

Se antes ir ao estádio sozinha era um problema, as Unidas pelo Santa buscaram uma solução. Muito mais do que torcedoras, são mulheres unidas por uma única paixão: o Santa Cruz Futebol Clube.

Tudo começou em 26 de abril deste ano, quando a tricolor Júlia Thayná tomou a iniciativa junto com mais duas amigas. A ideia era unir e acolher torcedoras para que, reunidas, pudessem assistir aos jogos do clube do coração. Algo aparentemente normal, mas que para as mulheres se tornou uma forma de proteção e resistência contra o machismo.

Em conversa com a representante do grupo, Júlia afirma que quando se é mulher, sofre-se constantemente. “É normal escutarmos críticas negativas, então, com a criação do grupo, decidimos levar a nossa luta pra dentro da arquibancada”.

Mulher no futebol é um assunto complexo, de fato. E que rende. Rende críticas, injustiças e cobranças. Tudo o que uma mulher conquista nesse esporte é graças à sua persistência, sua paixão, sua resiliência e determinação.

E foi com essa determinação que, hoje, o Unidas pelo Santa possui o total de 65 mulheres que se reúnem para ir ao Estádio do Arruda, em Recife, a cada 15 dias.

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Uma das integrantes do grupo, Eliana Telles, conta que desde os seus dois anos de idade foi inserida no mundo da bola graças ao seu pai. No entanto, sentia-se desconfortável por estar em um ambiente rodeado por homens. Homens que, inúmeras vezes, tentaram depreciar o simples fato de ser mulher dentro de um estádio.

Ao crescer, Eliana tratou de ocupar o seu lugar dentro do Arruda, acompanhando e sentindo as cores do Santa Cruz. “Eu já escutei muitos comentários machistas, mas eu nunca me calei, sempre resisti. Ao entrar para o grupo Unidas pelo Santa eu percebi que nunca estive sozinha. Mais que companheiras de causa, são verdadeiras amigas”, expressa a torcedora.

Quanto a Gabriela Lane, também fanática do tricolor do Arruda, afirma que a criação do Unidas pelo Santa foi uma ideia muito bem acolhida por todas as torcedoras que se sentem inseguras de comparecer aos jogos do clube. “É um grupo com mulheres diferentes, mas todas com a intenção de ocupar o mesmo lugar dentro do estádio”.

O Unidas pelo Santa vem mostrando a importância de discutir e representar o papel da mulher na torcida do Santa Cruz. Por meio das redes sociais, são difundidas ideias e mensagens para alcançar novas torcedoras e também para lutar por mudanças de postura da sociedade brasileira.

Felizmente, elas demonstram o quanto o público feminino vem conquistando espaço nas arquibancadas do Arruda dia após dia, tornando-se referência na torcida para apoiar o Santa Cruz. Sempre unidas com um único propósito.

O que elas querem? Torcer! E, acima de tudo, respeito.

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

2 comentários sobre “Elas na arquibancada

  1. #PARABÉNS! Garotas pela iniciativa de forma, esse grupo de torcedoras “APAIXONADAS”. Pelo “O MAIS QUERIDO CLUBE DAS MULTIDÕES” SANTA CRUZ-PE SEMPRE SERÁ #GIGANTE!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s