Crivella responde a jornalista: "vocês são meninas, não entendem nada"

“Vocês são meninas, não entendem nada, pelo menos na minha época não entendiam”.

Essa foi a fala do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella. E não, não foi anos atrás, não foi no século passado. Aconteceu esta semana. Aconteceu em um ano super importante para as mulheres no futebol, em um ano de Copa do Mundo. Chega a ser inacreditável, mas foi real.

Após algumas brincadeiras feitas pelo prefeito com relação ao Vasco da Gama e as quedas na ciclovia da cidade, o que já é de uma tremenda insensibilidade por parte do prefeito, já que houve morte de duas pessoas, uma repórter do G1 perguntou se Crivella pediria desculpas pelas falas.

E, infelizmente, a resposta foi machista e super desnecessária. Falar que “meninas não entendem de futebol” não é apenas machista, mas também estúpido e tendencioso. Falar que “pelo menos na minha época não entendiam” é subestimar o sexo feminino.

Prefeito, na sua época, nós mulheres não tínhamos o direito de estar nesse meio. Não era uma opção. Então, por favor, mais respeito e mais empatia! Existem ene maneiras de fazer brincadeiras com futebol de modo saudável e que não desrespeitem ninguém. Tenhamos mais amor ao próximo e nos coloquemos no lugar do outro. Está faltando isso!

Foto: Reprodução