Geração selfie no futebol

As selfies nos estádios pelo Brasil a fora não é coisa nova: tirar foto com seus ídolos após as partidas, também não. Normal. Mas há quem consegue gravar os momentos do clube do coração em uma cobrança de pênaltis! Isso mesmo. E cá para nós, eu não conseguiria.

Pensa só: O camisa 10 do time se aproxima e faz aquela caminhada crucial para a batida, é a cobrança decisiva que pode dar o título, e você fica de costas para simplesmente gravar aquele momento? Tudo bem que, vai ficar registrado com você para sempre no seu celular, mas para e pensa no que você acabou de perder. A emoção única de ver o seu time estar em uma decisão, podendo se consagrar campeão, nada mais nada menos que, nas cobranças de pênaltis, mais nervosismo que isso eu desconheço. E essa emoção não pode e nunca poderá ser comparada com uma gravação do momento.

Presenciar seu time jogando é uma emoção sem igual, todos juntos na arquibancada pulando, você suando e com a garganta doendo de tanto gritar, mas que no final tudo vale a pena. E é por isso que dói ver uma geração que se importa mais com “likes” nas fotos dentro do estádio, do que com o próprio resultado do jogo, por exemplo. Dói ver alguém vestindo uma camisa só para impressionar terceiros e não por orgulho. Hoje, a certeza é que a gente não escolhe o time, ele nos escolhe. Você se doa de corpo e alma e coração á um clube que vai acompanhar para sempre e simplesmente por amor e disso não há quem possa discordar.