No Ceará tem disso sim

O eterno rei do baião Luiz Gonzaga interpretou a música “no Ceará não tem disso não”, na qual a letra fala sobre as diferenças entre a capital e o interior. Busquei trazer uma “adaptação” da música para o futebol, e falar que no time do Ceará tem disso sim! Tem vitória fora de casa e gol no final da partida, pelo menos foi o que ocorreu no jogo de hoje.

Diante de 60 mil torcedores, o time alvinegro calou o Maracanã e venceu o Flamengo por 1 a 0 com gol de Leandro Carvalho aos 45 minutos do segundo tempo. É notório que o Brasileirão deste ano não é dos melhores para o time cearense, o clube vem de duas derrotas, perdeu por 2 a 0 para o Bahia e de 1 a 0 para o São Paulo, empatou com Vasco, Atlético Paranaense e Santos. A partida de hoje serve para renovar as expectativas do clube para se manter na Série A do Campeonato Brasileiro, o vozão necessita de bons resultados nos próximos jogos. O clube enfrenta o Corinthians na quarta-feira, às 20h, na Arena Castelão.

Do lado de lá, a situação de insatisfação é semelhante. O Flamengo vem de uma eliminação para o Cruzeiro na Copa Libertadores, tendo os primeiros 90 minutos no Maracanã, com Arrascaeta e Thiago Neves garantindo a vitória para a Raposa. O jogo de volta foi no Mineirão, o Flamengo venceu por 1 a 0 com gol de Léo Duarte. Apesar da vitória, o time rubro-negro se despediu da competição. Na Copa do Brasil, passou do Grêmio e enfrenta o Corinthians no dia 12 de setembro pelas quartas de final.

A 22ª rodada do Campeonato Brasileiro reservou 20 pontos ao Ceará e 41 pontos ao Flamengo, que se distancia da liderança. A torcida não poupou críticas ao time e Lucas Paquetá foi vaiado no segundo tempo. O goleiro Diego Alves classificou o resultado como inadmissível: “Não podemos admitir o resultado que tivemos hoje. Não tem como encontrar desculpa. Tínhamos o Maracanã lotado, não conseguimos talvez definir da melhor maneira, saber ler o jogo”.

Será que o Flamengo vai ficar “só no cheirinho”? E o Ceará, será que vai conseguir se manter na Série A? Futebol é imprevisível, não sabemos o que vai ocorrer até o final desta competição, seguimos então com a expectativa para os próximos confrontos do Brasileirão.

Foto: André Durão/Globo Esporte