A semana é dos brasileiros na Europa

Não é novidade que os brasileiros brilham na Europa, porém essa semana eles se superaram. Desde o fim de semana, com o início dos campeonatos Inglês e Francês, os brazucas agitaram as redes e as torcidas do velho mundo. O primeiro a se destacar foi Richarlison, na primeira rodada do Campeonato Inglês. Fazendo sua estreia pelo Everton, fora de casa contra o Wolverhampton, o brasileiro marcou os dois gols dos Toffees no jogo que acabou empatado em 2 a 2.

Na vitória por 2 a 1 contra o Leicester, tivemos a estreia oficial do meio-campista Fred nesse final de semana com a camisa do Manchester United. Fred não marcou e foi substituído no meio do segundo tempo, mas saiu ovacionado pelos torcedores no Old Trafford, que adoraram a atuação do brasileiro. Não podemos esquecer também de mencionar nosso menino Neymar, que estreou no Campeonato Francês com o pé direito, ou melhor, com o pé esquerdo. O brasileiro usou a canhota e abriu a goleada do Paris Saint-Germain sobre o Caen por 3 a 0.

Também nesse último final de semana, nosso goleiro Alisson estreou no Campeonato Inglês pelo Liverpool contra o West Ham. Contratado a peso de ouro, o goleiro brasileiro não foi muito acionado durante o jogo e os Reds golearam por 4 a 0. Na mesma partida, Roberto Firmino não deixou o dele, mas deu assistência para o gol de Sadio Mané na vitória tranquila sobre West Ham. Já do lado oposto, Felipe Anderson estreou com a camisa dos Hammers, que não foi bem sucedida pela má atuação de seus companheiros em Anfield.

No Marrocos, o Barcelona foi campeão da Supercopa da Espanha contra o Sevilla. Arthur e Rafinha iniciaram o jogo como titulares, já Philippe Coutinho ingressou durante o jogo. E nesta quarta-feira (15), o Barça contou com o tempero sul-americano para vencer o Boca Juniors por 3 a 0 e faturar o troféu Joan Gamper. O jogo aconteceu no Camp Nou e marcou a apresentação do elenco para os torcedores. Os gols do duelo foram marcados por Malcom, Messi e Rafinha.

David Luiz voltou a ser titular dos Blues e o Chelsea goleou o Huddersfield por 3 a 0. Após ser afastado por Antonio Conte na última temporada, o zagueiro brasileiro foi consistente e acabou a partida como um dos melhores jogadores em campo. Willian, que também quase saiu do Chelsea por conta do ex-treinador italiano, entrou como titular. Mesmo sem marcar, foi um dos que mais se destacou na equipe.

O brasileiro Kennedy fez boa partida pelo Newcastle na derrota dos Magpies para o Tottenham por 2 a 1. O jogador teve boa chance de marcar um gol, mas foi bloqueado por Lloris. Temos também Vinícius Júnior, que apesar de não ter feito gol, vem sendo muito elogiado. Outro que marcou em sua estreia foi Guilherme Arana pelo Sevilla.

Nesta quarta-feira com muita tranquilidade, os rojiblancos confirmaram vaga nos playoffs da Liga Europa. A equipe espanhola venceu o Zalgiris por 5 a 0 no estádio LFF, na Lituânia, no confronto de volta da terceira fase eliminatória. Como ganharam o primeiro confronto por 1 a 0, os comandados por Caparrós não tiveram dificuldades para avançar de fase. Pablo Sarabia e Nolito, duas vezes cada, e Guilherme Arana marcaram os gols.

Não podemos também deixar de mencionar o espanhol nascido no Sergipe, Diego Costa, que demorou apenas 49 segundos para estufar as redes, na Supercopa da Europa. O brasileiro, naturalizado espanhol, se mostrou decisivo pelo Atlético de Madrid com poucos segundos de jogo. Logo no primeiro lance do Atlético, o hispano-brasileiro recebeu bola longa de Diego Godín, ganhou a disputa com Sergio Ramos e bateu forte para o fundo das redes do Real Madrid. Feito histórico, foi o gol mais rápido da Supercopa continental, superando o de Éver Banega pelo Sevilla, em 2015, contra o Barcelona.

Então para quem ainda duvidava dos nossos talentos, os campeonatos europeus estão aqui para comprovar que qualidade e carisma ainda temos de sobra.

Foto: Divulgação/Goal