Feliz dia do ‘’são só 11 pessoas correndo atrás de uma bola’’. Dia Nacional do Futebol

No dia 19 de Julho de 1976 a CBF criou o dia nacional do esporte que mais une pessoas e paixões do mundo! O nosso bom e velho futebol. O objetivo da data era homenagear um time do Rio Grande do Sul, o Sport Clube Rio Grande, por ele ter sido o primeiro time registrado como clube de futebol no Brasil.

A paixão começou naquele instante e nunca mais parou, o esporte cresceu, ficou mundialmente conhecido e hoje é considerado o favorito de milhares de brasileiros e também pessoas ao redor do mundo. É surreal e lindo a festa que uma partida dessas proporciona. Também conhecido como babinha, pelada, bater bola… ele não é só mais um esporte no mundo, eu me atrevo a dizer que é O esporte. Muda vidas, une propósitos, cura! Sim, o futebol cura. Me curou diversas vezes, de um dia ruim e de uma depressão. A alegria, o entusiasmo e o fervor que eu sinto vendo a bola rolar já me tiraram de um fundo do poço, e eu sei que não sou a única.

Quem compartilha desse mesmo amor entende do que eu estou falando, entende que muitas vezes não é só uma partida, não é só futebol, nunca é. Nós aprendemos a acreditar e ter fé quando o gol do nosso time só sai nos últimos minutos dos acréscimos, aprendemos o que é ser amor da cabeça aos pés quando nos arrepiamos por inteiro ouvindo o hino ser ecoado pela torcida, nós ganhamos pessoas incríveis através do futebol. Eu ganhei uma família nova, a família RD (Rainhas do Drible), foi o futebol que me deu de presente uma das maiores fontes de felicidade da minha vida, escrever para esse blog e poder dar voz ao meu sentimento provando que mulher também faz parte dessa era futebolística.

Não é só futebol, parece clichê, mas eu te provo que não é. Basta olhar o mundo a sua volta, não é a toa que somos considerados o país da bola no pé não é mesmo? Feliz dia do ‘’são só 11 pessoas correndo atrás de uma bola’’, é, você pode chamar assim se você quiser. Eu passei a aceitar quando dizem que amar o futebol é loucura, tudo bem, sabe por quê? Ainda assim é amor, e disso só os loucos sabem! Que haja muitos gols pra gente gritar, dribles para ficar marcados na história, faltas não marcadas para reclamarmos do juiz e memes, claro, jamais podem faltar. Feliz dia Nacional do Futebol!